Home Destaque Melo chama todos os PMs à disposição de Arthur
Melo chama todos os PMs à disposição de Arthur
0

Melo chama todos os PMs à disposição de Arthur

0
0

O governador José Melo (Pros) mandou chamar todos os policiais militares que estão à disposição do prefeito Arthur Neto (PSDB). Os pedidos para que o município devolva-os à corporação começaram a ser feitos após a eleição.

Militares que já saíram da prefeitura disseram que o efetivo nessa situação gira em torno de 40 policiais, mas os auxiliares do prefeito falam em 20 pessoas, entre oficiais e praças.

A pressão do governo começa a incomodar a gestão tucana porque entre os PM chamados estão oficiais que ocupam cargos de confiança, em postos estratégicos do município, como na Casa Militar, na SMTU (trânsito), na Seminf (infraestrutura), inteligência e até na guarda pessoal do prefeito Arthur Neto.

O comando da PM e a Secretaria de Comunicação do Governo do Estado negaram, mas assessores do prefeito confirmaram a informação.

 

Oposição pró-governo

O título do post pode parecer confuso, mas é isso mesmo. O vereador Marcelo Serafim Corrêa (PSB), líder da oposição à gestão do prefeito Arthur Neto (PSDB), será o anfitrião de um almoço que ele mesmo irá preparar em ato que tem a finalidade de oficializar o nome do colega Wilker Barreto (PHS) como candidato à presidência da Câmara Municipal de Manaus.

Tudo normal até aí, se Wilker não fosse o candidato apoiado pelo tucano, fato explicado por Marcelo da seguinte forma: “A eleição será para eleger o Wilker e não o prefeito Arthur, de quem eu só quero distância”.

Marcelo, que chegou a cogitar lançar candidatura ao cargo, disse que seu voto a seu colega é um reconhecimento ao trabalho feito pelo parlamentar nos últimos dois anos à frente do poder. “Ele foi um bom presidente”, definiu.

 

Na mesa

A propósito, o bacalhau que Marcelo Serafim irá oferecer à base aliada tem um preço. É que o PSB terá lugar na mesa diretora da Câmara, que tradicionalmente é dominada pelos aliados do prefeito. O estreante Carlos Portta terá cadeira na cúpula da casa. Só o cargo que ainda não foi definido.

 

Bênção final

Fechados hoje os votos e os nomes dos parlamentares que irão formar a futura mesa diretora da Câmara de Manaus, um rito ainda precederá a eleição interna no Legislativo. Será a bênção final a ser dada pelo prefeito Arthur Neto. Essa parte da liturgia ocorrerá no sábado, em hora e local a serem confirmados.

 

Negociatas

A vereadora Joana Protetora dos Animais (PR) lançou ontem, dia 28, sua candidatura à presidência da Câmara de Manaus sugerindo a existência de negociatas por cargos, comissões e até vantagens pessoais nos bastidores da disputa em troca de votos. Em seu Facebook, ela deixou bem claro que as negociatas são para beneficiar o candidato do prefeito.

 

Isolada

Aliás, o post que fez ontem pode ter decretado seu isolamento na disputa, principalmente em seu próprio partido, que elegeu quatro parlamentares. Seus colegas de legenda disseram a interlocutores que a publicação mostrou o despreparo de Joana ao cargo e que não abrirão mão de votar em Wilker Barreto.

 

Aclamação, não

Quem também está candidato a presidente da Câmara é o vereador eleito Chico Preto (PMN), que já presidiu a casa. Diz que lançou sua candidatura porque não concorda com a ideia de aclamação, numa referência à candidatura de Barreto. Nesta quinta e sexta ele conversa com vereadores eleitos e reeleitos.

 

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close